Posts Tagged ‘ Alex Vieira ’

Lote 64 de Alex Vieira, abre a programação da Galeria Homero Massena

Lote 64, de Alex Vieira, abre calendário anual de exposições na Galeria Homero Massena e mais, calendário oficial!!!

Confira a programação e agende sua visita!

A mostra “Lote 64”, do artista plástico Alex Vieira, abre na quinta-feira (28) o calendário anual de 2010 da Galeria Homero Massena, na Cidade Alta, em Vitória. Toda a temporada do espaço cultural foi definida por meio de edital da Secretaria de Estado da Cultura (Secult), que seleciona propostas na área das artes visuais.

Às 18 horas, o artista vai promover uma discussão com a plateia sobre sua obra. E logo depois, às 20 horas, a mostra começará oficialmente. A entrada é franca. A exposição estará aberta à visitação até o dia 05 de março.

Fotos: Assessoria de Comunicação/Secult
A entrada é franca e a exposição estará aberta à visitação até o dia 05 de março.
A entrada é franca e a exposição estará aberta à visitação até o dia 05 de março.

Outras sete exposições passarão pela Galeria este ano: “Visões Contemporâneas”, de Gabriel Borém; “Screens”, de Bruno Zorzal; “Fotografia e desenho/espaços urbanos/não lugares”, de Pamela Reis; “Sala 12”, de Erlon Perez Wanderley, Michele Marques, Miriam Vazzoler; “Recordações”, de Juliana Bernabé Nunes; “Acervo Vivo”, do coletivo HnA – Molécula Multiplicadora de Arte; e  “Inapreciável”, do Coletivo Mimosas Pudicas.

Lote 64

O título da mostra de Alex Vieira foi tirado de um lote de sucatas, com várias fotocopiadoras fora de linha, leiloadas pela Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), em 2008, e arrematadas pelo artista.

Com o conserto de uma das máquinas, Alex inicia uma série de experimentações, que culmina com a publicação da primeira edição ‘Prego Magazine’, uma revista de quadrinhos, desenhos e entrevistas.

Peça Susto.

Para compor “Lote 64”, Alex pegou a fotocopiadora e sua coleção de material gráfico, e começou a colar, descolar, sobrepor, rasgar, recortar e manchar. “Ele seleciona imagens e as pirateia, as reproduz incansavelmente sem nos dar conta de sua autoria ou referência”, descreve o artista plástico Julio Tigre no texto de apresentação da mostra.

Peça Boxe.

E completa: “seus trabalhos são frutos de uma obsessiva busca por juntar tudo num mesmo plano, sem sugerir profundidades, sem deixar escapar áreas preservadas. Alex devasta cada camada e vai produzindo entre acasos e intenções estas superfícies”.

Cronograma de exposições 2010:

– 28 de janeiro a 05 de março: “Lote 64”, de Alex Vieira
– 16 de março a 09 de abril: “Visões Contemporâneas”, de Gabriel Borém
– 24 de abril a 21 de maio: “Screens”, de Bruno Zorzal
– 01 de junho a 02 de julho: “Fotografia e desenho/espaços urbanos/não lugares”, de Pamela Reis.
– 13 de julho a 13 de agosto: “Sala 12”, de Erlon Perez Wanderley, Michele Marques, Miriam Vazzoler
– 24 de agosto a 24 de setembro: “Recordações”, de Juliana Bernabé Nunes
– 05 de outubro a 05 de novembro: “Acervo Vivo”, do coletivo HnA – Molécula Multiplicadora de Arte
– 16 de novembro a 31 de dezembro: “Inapreciável”, do Coletivo Mimosas Pudicas


Serviço:


Exposição “Lote 64”, colagens de Alex Vieira
Abertura: Quinta-feira (28)
Horário: 20 horas
Conversa com o artista: 18 horas
Visitação: de 29 de janeiro a 05 de março
Local – Galeria Homero Massena – Rua Pedro Palácios, nº 99, Cidade Alta.
Visitação: segunda a sexta-feira, entre 10 e 18 horas
Visitas guiadas: 3132 8395

fonte:  www.secult.es.gov.br